EDUCAÇÃO BRASILEIRA FRENTE À PANDEMIA DO CORONAVÍRUS: ANÁLISE DE EXPERIÊNCIAS

Isabela Santos Albuquerque

Resumo


Este trabalho surgiu a partir do desejo de analisar as repercussões da Pandemia do Coronavírus na educação brasileira. Para tanto, num primeiro momento, recorreu-se a pesquisas realizadas por diferentes instituições no território brasileiro e, num segundo momento, realizou-se pesquisa junto a estudantes do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Tiradentes, em Sergipe (PPGE UNIT/SE). As questões foram analisadas com o apoio dos seguintes referenciais teóricos: Kenski (2003, 2008, 2012); Martin-Barbero (1997); Cope e Kalantiz (2010) e Buckingham (2010); e Moreira e Schlemmer (2020). A metodologia é de cunho qualitativo, sendo composta por três etapas complementares: estudo de referenciais para a compreensão da relação entre a Educação e as Tecnologias Digitais da Informação e da Comunicação (TDIC); consulta a pesquisas institucionais sobre o contexto da educação durante a Pandemia; e aplicação, tabulação e análise de questionário (Google formulário) junto aos estudantes do PPGE UNIT/SE. A partir das reflexões feitas, conclui-se que a utilização das TDIC na educação é fundamental na contemporaneidade. Se as tecnologias já fizessem parte efetivamente do cotidiano das instituições educacionais brasileiras a continuidade das atividades pedagógicas durante a Pandemia teria sido menos sofrível, e talvez as diferenças entre redes de ensino fossem menores. Quando o aporte tecnológico já era algo conhecido e integrado ao contexto institucional, como visto no PPGE da UNIT/SE, as ações pedagógicas fluíram de forma mais proveitosa.


Palavras-chave


Educação; Estudantes; Pandemia do Coronavírus; Tecnologias Digitais da Informação e da Comunicação.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Mariana. Professores: o desafio da educação em meio à pandemia. Disponível em: < https://www.escrevendoofuturo.org.br/conteudo/noticias/sobre-o-programa/artigo/2767/professores-o-desafio-da-educacao-em-meio-a-pandemia> Acesso em 27 de Dez. de 2020.

A Situação dos Professores no Brasil durante a Pandemia. Revista Nova Escola. Disponível em: https://www.andes.org.br/diretorios/files/renata/junho/ne-pesquisa-professor-final-1.pdf Acesso em: 03 de Dez. de 2020.

BUCKINGHAM, David. Cultura Digital, Educação Midiática e o Lugar da Escolarização. Educ. Real., Porto Alegre, v. 35, n. 3, p. 37- 58, set./dez., 2010. Disponível em: http://www.ufrgs.br/edu_realidade.

CASTELLS, Manuel. Prólogo: a rede e o ser. In: CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. (volume 1). Tradução: Roneide Venâncio Majer. São Paulo: Paz e terra, 1999. p. 21-47.

COPE, Bill; KALANTZIS, Mary. Multialfabetización: nuevasalfabetizaciones, nuevas formas de aprendizaje. Boletín de laAsociación Andaluza de Bibliotecarios, n° 98-99, Enero-Junio, 2010, p. 53-91.

COSTA, Gilberto; TOKARNIA, Mariana. Pandemia de covid-19 fez ensino e papel do professor mudarem. Disponível em: https://agenciabrasil.ebc.com.br/educacao/noticia/2020-10/pandemia-de-covid-19-fez-ensino-e-papel-do-professor-mudarem Acesso em 03 de Dez. de 2020.

FERNANDES, Cleoni. À procura da senha da vida-de-senha a aula dialógica? In: VEIGA, Ilma Passos Alencastro (Org.). Aula: gênese, dimensões, princípios e práticas. Campinas: Papirus, 2008. p.145-165.

GONNET, Jacques. Educação e Mídias. Ed. Loyola, São Paulo; 2004.

KENSKI, Vani Moreira. Aprendizagem mediada pela tecnologia. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v. 4, n.10, p.47-56, set./dez. 2003.

_________________. Educação e comunicação: interconexões e convergências. Educ. e Soc., Campinas, vol. 29, nº 104 – Especial, p. 647-665, out. 2008. Disponível em http://www.cedes.unicamp.br.

_________________. Educação e tecnologias: o novo ritmo da informação. 8. ed. Campinas, SP: Papirus, 2012.

MARTÍN – BARBERO, Jesus. Heredandoel futuro. Pensar laeducación desde lacomunicación. Rev. Nómadas, Nº 5, Santafé de Bogotá (Colômbia), Univ. Central, 1997. Disponível em: http://comeduc.blogspot.com/.

MOREIRA, José António; SCHLEMMER, Eliane. Por um novo conceito e paradigma de educação digital online. Revista UFG, Goiás, v.20, 63438, 2020.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Simpósio Internacional de Educação e Comunicação - SIMEDUC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.