EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA E DIDÁTICA AUTORAL: TECNOLOGIAS DIGITAIS E A APROXIMAÇÃO DA REALIDADE CULTURAL NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Rejane Maria de Almeida AMORIM, Alicia Santana de Castro, Elane Christina Silva de Magalhães

Resumo


O artigo apresenta um estudo que teve por objetivo mobilizar processos formativos na modalidade EAD, a partir de uma didática autoral e possibilitar a aproximação do estudante com a sua realidade, ampliando assim, o seu pertencimento aos espaços culturais na formação de professores. A partir de propostas genuínas e pensadas para o modelo EAD, os estudantes desenvolveram estudos e vivências que culminaram na elaboração de produtos digitais, que promoveram a cultura a qual pertencem. A pesquisa, de cunho qualitativo, foi desenvolvida com  400 estudantes de licenciatura do Consórcio CEDERJ, na disciplina de Fundamentos da Educação IV, no ano de 2019/01 e 2019/02, bem como com os mediadores presenciais e à distância. Para compilar as informações obtidas, focamos em duas dimensões que mais apareceram nos relatos: 1) O pertencimento e reconhecimentos de espaços culturais da minha região; 2) A didática que vivenciamos pode transformar a compreensão de  como ser um professor. Essas dimensões apreendidas na pesquisa foram articuladas com as teorizações do campo e contribuem para compreensão, fortalecimento e possíveis transformações dos estudos da didática na modalidade EAD, voltadas para uma docência cada vez mais contextualizada.


Palavras-chave


Educação à distância, Formação de professores, cultura, tecnologia,

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Simpósio Internacional de Educação e Comunicação - SIMEDUC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.