A interdisciplinaridade implícita na pedagogia e obras de Paulo Freire

Davilene Souza Santos, Adriana Serafim de Souza, Flávia Goulart Mota Garcia Rosa

Resumo


Este artigo tem por objetivo identificar nas obras e na pedagogia de Paulo Freire o seu caráter interdisciplinar, tendo em vista o quanto inovador e revolucionário foram os métodos adotados pelo pesquisador no âmbito da alfabetização de jovens e adultos, em especial ao episódio ocorrido em Angicos, no estado do Rio Grande do Norte, em que foram alfabetizados cerca de 300 trabalhadores rurais, entre os meses de janeiro e abril do ano de 1963. Essa pesquisa, de caráter descritivo, com abordagem qualitativa, ancora-se no levantamento bibliográfico acerca do tema interdisciplinaridade e da pedagogia de Paulo Freire, destacando duas de suas obras mais eloquentes, Pedagogia do oprimido e Pedagogia da autonomia. Destaca-se que diversos pesquisadores corroboram dessa percepção acerca da interdisciplinaridade implícita nas obras e na pedagogia adotada por Paulo Freire, apesar de não cunhar esse termo, nem tão pouco esse conceito, a utilização dos termos geradores, utilizados por ele no ato da alfabetização, nos fornece a dimensão da integralidade e interação existente na didática e na pedagogia em execução.


Palavras-chave


Interdisciplinaridade; Pedagogia; Paulo Freire.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Simpósio Internacional de Educação e Comunicação - SIMEDUC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.