NEOPLASIAS DE MAMA EM SERGIPE: perfil de internamento entre 2015 a 2017

Luana da Conceição Costa Cardoso, Elizayne dos Santos, Marcos Rodrigues Santos, Felipe Souza Nery, Larissa Keylla Almeida de Jesus

Resumo


A neoplasia de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, excluídos os tumores de pele não melanoma. O levantamento epidemiológico acerca das taxas de internações por neoplasias de mama está associado à importância da valorização da prevenção, diagnóstico precoce, tratamento adequado e efetivo na saúde publica, promovendo a diminuição dos fatores de risco. Além disso, o papel da equipe multiprofissional buscando atender as mulheres em sua integralidade. Neste contexto, o presente trabalho é resultado de uma análise de dados secundários acerca das internações hospitalares, em decorrência de neoplasias de mama em mulheres no estado de Sergipe, buscando avaliar o perfil de internamento dos indivíduos entre os anos de 2015 e 2017. Percebeu-se que a maioria das internações eram mulheres pardas, acima dos 60 anos e durante o recorte temporal o ano que teve uma maior numero de internamentos foi 2016.


Palavras-chave


Neoplasias de Mama. Assistência Integral a Saúde da Mulher. Internação Hospitalar.

Texto completo:

PDF

Referências


AZEVEDO, Daniela Batista. Perfil das Mulheres com Câncer de Mama. Revista de enfermagem UFPE online. Recife: v.11, n.6, p.2264-72, jun., 2017.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Controle dos cânceres do colo do útero e da mama. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2013.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Projeção da População do Brasil por sexo e idade: 2000-2060, 2013. Disponível em: < https://ww2.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/projecao_da_populacao/2013/default_tab.shtm> Acesso em: 05 abr. 2018.

INSTITUTO NACIONAL DO CÂNCER (INCA). Controle do Câncer de Mama. Disponível em:. Acesso em: 05 abr. 2018.

INSTITUTO NACIONAL DO CÂNCER (INCA). Tipos de câncer: mama. Disponível em: . Acesso em: 04 abr. 2018.

OHL, et al. Ações públicas para o controle do câncer de mama no Brasil: revisão integrativa. Revista Brasileira de Enfermagem. v.69, n.4, p.793-803, jul./ago., 2016.

PROLLA, Carmen Maria Dornelles et. al. Knowledge about breast cancer and hereditary breast cancer among nurses in a public hospital. Revista Latino-Americana de Enfermagem. São Paulo: v. 23, n. 1, p.90-7, jan./fev., 2015.

REIS, Flávia Prazeres et. al. Perfil epidemiológico das pacientes com câncer de mama atendidas em uma unidade de saúde em São Francisco do Conde, Ba. Revista de Ciências Médicas e Biológicas. Salvador: v. 15, n. 2, p.144-150, mai./ago., 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.