CASOS DE TUBERCULOSE CONFIRMADOS NOS PRESÍDIOS E NOTIFICADOS NO SINAN ENTRE 2007 A 2012 EM SERGIPE

Wiltar Teles Santos Marques, Wolney Sandy Santos Lima, Ana Clara Cruz Santos de Santana, Vivianny Neres Rocha, Ilva Santana Fontes Fonseca

Resumo


 

Introdução: O direito a saúde é de todos e o estado tem a obrigação de provê-la. A TB, é uma doença infectante transmitida através das vias aéreas superiores por gotículas. Objetivo: Esta pesquisa tem como objetivo conhecer o quadro de TB notificados no SINAN entre 2007 a 2012 e a situação dos presídios nesse contexto em Sergipe. Metodologia: Estudo quantitativo e descritivo com base em dados do SINAN obtidos através do DataSUS e com dados do INFOPEN. Resultados: Os casos de rápida disseminação de TB nos presídios de Sergipe e no Brasil faz jus a taxa de ocupação maior de que as estruturas físicas prisionais podem suportar. Em todos os anos pesquisados o número de casos de tuberculose foi maior no sexo masculino. Conclusão: O estado deve cumprir o seu papel não apenas na sociedade mas também dentro dos presídios, pois todos que adentram aos presídios estão expostos a tuberculose.


Palavras-chave


Tuberculose. Prisão. Saúde.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.